Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Já foi o tempo em que a passividade de uma massa era confundida com a plena dominação do poder. Ou seja, quanto maior a apatia da massa, mais dominada ela estaria. Segundo o sociólogo francês Jean Baudrillard os políticos imaginam que as massas seriam permeáveis a ação e ao discurso e que elas têm opiniões e que são verbalizadas através das pesquisas. Bem é isso que tem sustentado o fato de que a classe política acredita que a massa fala e pode ser ouvida politicamente. Ocorre, no entanto, que o político desconsidera é o aspecto dele ser visto apenas e tão somente como um ator no espetáculo de uma eleição. Não por acaso o jogo eleitoral acaba sendo visto como se fosse um jogo de futebol imaginando então que o espetáculo pudesse espelhar a consciência do povo,  com uma torcida a favor do A ou B. Nos dias de hoje
Inúmeros meios sejam eles virtual ou  social, buscam aferir as preferências eleitorais por meio de pesquisas, tudo com objetivo de tentar captar o pensamento das massas. Mas qua…

Últimas postagens

ANALFABETOS FUNCIONAIS

SETEMBRO AMARELO

A BOA PERGUNTA

O RADIO PERDEU O RUMO